sexta-feira, 3 de abril de 2009

ONDE ANDA SÉRGIO JOCKMANN?

Quem fizer uma pesquisa sobre o melhor cronista, certamente vai encontrar em primeiro lugar o LUIS FERNANDO VERÍSSIMO, que realmente é muito bom, exceto pelo petismo, tipo velhinha de Taubaté.
O maior cronista de todos os tempos foi RUBEN BRAGA. Se você quer conferir leia AI DE TI COPACABANA, livro que já recomendei.
Ontem, estava lembrando de um cronista regional que anda desaparecido. Trata-se de SÉRGIO JOCKMANN, cujo estilo busco imitar; e, é claro, sem sucesso.
O bom cronista é aquele que pega o bonde andando, aprecia o seu conteúdo, e desce na parada seguinte sem revelar o destino final do carro. Os que conseguem este desiderato são geniais. Sérgio Jockmann é assim.
O cronista fotografa o cotidiano, transmitindo ao leitor, através de seu escrito, o flagrante como se este último fosse o observador. O leitor se identifica com a situação apresentada pelo bom cronista, e ao final fica comparando com situações fáticas afins que já tenha vivido.
O jornal ZERO HORA tem trazido o muito bom DAVID COIMBRA, um cronista puro, acompanhado de uma grande imaginação, e, sobretudo um senso de humor maravilhoso e fino.
Não sei o que aconteceu com Jockmann que se afastou dos nossos jornais. A verdade é que acho falta de seus escritos. Não raro, vou na minha biblioteca e pinço o muito bom VILA VELHA, e fico lá me divertindo com as histórias de SJ. Quem souber onde ele anda me avise.

2 comentários:

Anônimo disse...

concordo contigo em relação ao veríssimo e, é claro, o rubem braga. já quanto aos outros dois, discordo. não acho o jockman assim tão bom (e não sei aonde ele anda)e o david coimbra me parece uma tentativa de cópia (mal sucedida) dos artigos publicados pelo nelson rodrigues. em matéria de crônica rápida, gosto muito do estilo do ruy carlos ostermann, me lembra fernando sabino. virginia

OSNIR disse...

Virginia. Eu acolhi os teus dois comentários, sendo que, quanto ao segundo, não sei o motivo pelo qual não saiu o meu acolhimento. Mas digo que concordo com eles. A verdade é que te conheci mesmo através do João. Quanto ao Jockmann eu li muito suas crônicas na antiga folha da tarde. Talvez tu tenhas pego somente o final, quando ele estava muito amargo. É claro que o estilo de David é no rastro de N.Rodrigues, mas eu me diverto bastante com as crônicas, além de bem escritas.

Arquivo do blog

QUEM É ESTE ESCORPIÃO?

Minha foto
PORTO ALEGRE, RIO GRANDE DO SUL, Brazil
EU E MINHAS CIRCUNSTÂNCIAS